Poema da Foda

29 de abr de 2012


Neste Brasil imenso
Quando chega o verão,
não há um ser humano
Que não fique com tesão.

É uma terra danada,
Um paraíso perdido.
Onde todo mundo fode,
Onde todo mundo é fodido..

Fodem moscas e mosquitos,
Fodem aranha e escorpião,
Fodem pulgas e carrapatos,
Fodem empregadas com patrão.

Os ricos fodem os pobres
Com grande desprendimento,
Os noivos fodem as noivas
Muito antes do casamento.

General fode Tenente,
Coronel fode Capitão.
E a presidente da República
Vive fodendo a nação.

Os freis fodem as freiras,
O padre fode o sacristão,
Até na igreja de crente,
O pastor fode o irmão,

Todos fodem neste mundo,
Num capricho derradeiro.
E o danado do Dentista
Fode a mulher do Padeiro.
Lula depois de eleito se tornou um fudedor
Fode a Marisa, o PT e até o trabalhador,
O senador fode o deputado
Que fode o eleitor.
Parece que a natureza
Vem a todos nos dizer,
Que vivemos neste mundo
Somente para foder.
E você, meu nobre amigo
Que agora está a se entreter,
Se não gostou da poesia
Levante e vá se foder!


By: AUTOR DESCONHECIDO

Dedico este post especialmente à minha irmã Ana Paula, e minha amiga Ana Luísa Lobo, que fizeram aniversário no dia 28/04, além de minha sobrinha Lavínya, que fará aniversário dia 30/04. Peço desculpas pelo tema, mas foi o que deu para arrumar... É, é realmente foda! Enfim, parabéns *---*

1 Opiniões:

Manfrá disse...

Hauhsuasha... muito bom, adorei!

Postar um comentário

- Opiniões, críticas, sugestões e tudo mais são sempre bem-vindos, mas seja educado(a) comigo para que eu não precise ser indelicada com você.
- Fique a vontade para deixar o link de seu blog para que eu retribua a visita, desde que faça um comentário decente.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.

Siga por E-mail

AGREGADORES